expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Caixinha de música

Valentina achou viável revirar algumas coisas antigas,alguns sentimentos antigos que estavam guardados em sua caixinha de jóias no fundo do armário...
Aquela velha caixinha que a bailarina numa súbita abertura começava dançar e as coisas antigas começavam a surgir.
Valentina não se lembrava que a maioria desses sentimentos lhe trouxe lágrimas outrora, só lembrava que este trouxe bastante sorriso e anseio continuo pois o que era ruim ela aprendia a esquecer.
E mais uma vez ela experimentou seu passado numa alegria sem tamanho... algumas vezes refletia, se foi tão bom, porque estas guardado na minha caixinha ? Valentina não se lembrava das coisas ruins que viveu nesse passado presente por isso tão ingenua não entendia.
Todo amanhecer Valentina abria sua caixinha e experimentava com cautela mas acabou num subito mergulho e bateu sua cabeça nos corais desse mar ...
A dor começou a desatinar e a sufocar ela estava apaixonada... digo... ela estava se afogando naquele mar de uma forma que não conseguia se desprender.

Eis que Valentina lembra por que virou passado e agora reluta para fechar a caixinha.


4 comentários:

  1. Ótima leitura!

    Você escreve muito bem... Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. eu estava na conta de bia ai respondi sem saber rsrsrs

      Excluir
  3. Ótima leitura!

    Você escreve muito bem... Parabéns!

    ResponderExcluir

Deixe seu lero lero aqui (: